O Fantasma da Ópera ♥
Ed: 01 - Editora Principis

Sinopse:
Uma criatura enigmática e mascarada perambula pela Ópera de Paris, levantando rumores entre os artistas e funcionários que ali frequentam. Acontecimentos assustadores fazem com que a direção do teatro considere que um Fantasma realmente assombra o lugar. A misteriosa figura mascarada passa a visitar Christine Daaé, uma jovem cantora lírica, e dá a ela lições de canto, planejando transformá-la na prima-dona da Ópera de Paris e seduzi-la. A jovem acredita que a voz que ouve é do Anjo da Música que a fará triunfar e então sela com ele um pacto. Terror, ciúmes, traição e tragédia, permeiam a relação do gênio da música e Christine. 


"Sua horrível, única e repugnante feiura fez dele um

párea da humanidade, e muitas vezes me ocorreu que ele

já não acreditava, por esse mesmo fato, ter qualquer dever com a raça humana."

pág. 254


Eu sou totalmente suspeita para falar sobre qualquer uma das versões existentes baseadas nessa obra... rs... Se existe alguém no mundo mais apaixonada pelo Fantasma da Ópera, ela precisa aparecer, pois meus amigos só me têm como referência.


Gaston Leroux começa o livro nos dizendo que essa história é real, isso mesmo, ele diz que investigou pessoalmente os mistérios que envolviam a Ópera Paris e seu misterioso Fantasma. Assim como personagens interessantes que tinham conexão com esses fatos misteriosos, seguimos então com a leitura da obra e ele irá nos apresentar pouco a pouco a Erik, Christine e Raoul, o visconde de Chany, suas origens e outras testemunhas oculares de todo o drama. 


No livro Christine e Raoul, tem respectivamente 15 e 20 anos, eles se conhecem desde a infância, mas a amizade foi cortada quando Raoul, como segundo filho de uma família nobre, é enviado para a Marinha francesa e consequentemente vai cruzar o mundo em sua vida militar. 


Nesse meio tempo o pai de Christine falece e ela vai morar com uma madrinha em Paris e entra para o corifeu da Ópera Paris. É bom ressaltar que Christine é uma menina de 15 anos, que cresceu ouvindo histórias de anjos e fadas, ela é um tanto quanto infantil, às vezes é bem irritante, mas perdoa-se pelo fato de ter pouca idade. Na ópera ela começa a estudar canto com uma misteriosa voz que vem de um espelho. Em sua inocência, ela acredita ser essa voz do Anjo da Música, que seu pai havia lhe dito que a acompanharia. 


Quando novos donos assumem a administração da Ópera é que o caos realmente começa. Os antigos administradores seguiam as exigências do tal fantasma e ele espera o mesmo dos novos. O que não será muito fácil. 


Entre mortes e mistérios, Raoul e Christine se reencontram por acaso em uma apresentação em que ele acompanha seu irmão. Desde então, Raoul começa a perseguir Christine em todos os lugares, ela tenta de todas as formas mantê-lo afastado, mas Raoul é chato… misericórdia! Que cabra chato e assustador. Sério gente! Apesar de ser chata e infantil, fiquei com dó da Christine por chamar atenção de dois malucos. 


Nesse romance não tem como tomar um lado, apesar de sempre pender para o Fantasma, ele também é péssimo. Enfim… o romance segue naquela dualidade. Christine apaixonada por Raoul e temerosa das atitudes de Érik. Até sabermos o que acontece… mais mortes, mais mistérios, mais sequestros e mais drama. O complemento que este livro nos traz está na figura de Erik, suas origens e seus dramas. 


Ao contrário do que se pensa, ele não surgiu simplesmente ali dentro da Ópera. Quem nós apresentará Erik é um personagem que salvou sua vida muitos anos antes e ainda se mantém próximo… O Persa! Este homem esteve ao lado de Erik na Pérsia, conhece sua crueldade e sua genialidade maligna, mas também conhece seu drama, sua rejeição e sua falta de amor pela humanidade que o tem rejeitado desde o berço.  


É impossível não iniciar essa leitura sem criar links com os musicais, isso trava um pouco a leitura, então, entre de cabeça nessa leitura sem procurar por pontos chaves que ligam um ao outro. Ambos são diferentes e complementares. 


Essa minha edição da Principis traz o texto integral e de fácil leitura, então quando você perceber estará amarrado a todos os mistérios de tirar o fôlego desse livro. Sério, gente! Quando entramos no desfecho de tudo é impossível não conter a respiração. É simplesmente eletrizante acompanhar o desenrolar. 


Eu sou suspeita pra falar, mas vale muito a pena encarar essa leitura!

/>

Deixe um comentário