Fala galerinha! Tudo certinho?

Depois de tantos anos sem Harry Potter nas telonas acredito que este seja o filme mais esperado do ano  pelos potterheads. Eu como boa e velha fã da J.K., estava louca para conferir que tinha tudo para dar certo e deu. Claro, que como sempre estou fazendo essa postagem com atraso, ela devia ter ido ao ar na quinta-feira passada, mas fiquei com preguiça... rs... me julguem! E vamos lá...
 
Quem está ligado nas novidades sobre o filme já sabe que teremos aí uma sequência de mais quatro filmes, totalizando 5 filmes dessa nova franquia. Então, se você está esperando a épica luta entre Grindelwald e Dumbledor, acho que vai rolar sim, principalmente depois do desfecho de Animais Fantásticos. Se você está por fora tem um milhão de sites explodindo de informações sobre tudo, divirta-se no amigo Google pesquisando, não vou dar informação nenhuma além das minhas impressões sobre o filme.
Para mim, desde o anuncio o filme tinha tudo para dar certo, como já comentei. Com roteiro escrito pela própria Rowling e com esse elenco era a receita de bolo perfeita e saí simplesmente encantada do filme. Dessa vez não vi em 3D, ou seja, foi maravilhoso! Nada de telas escuras demais, nada me atrapalhando de vivenciar mais essa jornada no mundo magico de Rowling.

Talvez possa soar um tanto quanto piegas, mas quando o filme começou, lá estava eu com lágrimas nos olhos totalmente só de ver o símbolo da Warner pairando na tela com aquela musiquinha parecida com a da saga HP... não deu pra me conter! Chorei mesmo... de saudade e nostalgia!

Enfim, vamos ao filme... tudo começa quando Newt Scamander decidi ir até os Estados Unidos para libertar um de seus amados bichinhos. Newt é um rapaz muito tímido, mas é assim por vários motivos, as pessoas nunca acreditaram que ele seria alguém importante ou que faria algo grandioso em sua vida, quando ele foi expulso de Hogwarts, as coisas só pioraram e fazer um trabalho chato e burocrático no Ministério da Magia era tudo o que tinha.

Sua grande paixão na vida eram os estudos sobre criaturas mágicas e por conta própria ele decide capturar e estudar várias delas. Seu intuito? Escrever um livro para mostrar aos bruxos que eles e animais mágicos poderiam conviver juntos.

Ao desembarcar em Nova Iorque com sua maleta mágica ele não fazia ideia dos problemas vividos ali pelos bruxos norte-americanos. A sociedade bruxa americana é muito rígida com suas leis mágicas impedindo até mesmo o casamento de um bruxo e um não-magico. Tudo isso para se manter às sombras sem sofrer perseguição, entretanto algo muito estranho está acontecendo na cidade. Uma força poderosa está assustando bruxos e não-bruxos e quando Newt, sem querer troca sua mala mágica com a mala de um não-mágico é que as coisas começam a se complicar.

Uma trapalhada atrás da outra nosso protagonista e seu mais novo amigo trouxa vão tentando recapturar as criaturas que escaparam da maleta e provar que ele não é o culpado sobre o sinistro que está aterrorizando a cidade vai ser difícil... muito difícil.

O filme é uma sucessão de acontecimentos, muitas informações ao mesmo tempo e as coisas vão sendo revelada aos poucos te deixando instigado para descobrir logo o que está acontecendo e quem é a criança com magia reprimida. Eu confesso que suspeitei desde o principio, mas é bom ver todo o desenrolar.

Bem, isso também não é novidade não é mesmo? Depois de tudo o que eu disse, você sabem que eu estou totalmente encantada e louca pelas sequências. Muita gente estava e está reclamando de algumas coisas que não ficaram bem explicadas, mas é sempre assim mesmo com qualquer filme que tem continuação, isso acontece com livros, então estão chovendo no molhado.

Também vi o povo fazendo um escândalo quanto ao fato de Johnny Depp ser o Grindelwald. Muita gente sendo hipócrita reclamando por conta do acontecido no inicio do ano na vida pessoa do cara, que eu aliás não muda em nada o talento dele como ator. E outros tantos reclamando e dizendo que ele ia ser o Capitão Jack Sparrow e blá blá blá.... e só posso dizer que todo mundo mordeu a língua bonito, porque eu mesma, se não soubesse que ele ia estar no filme, nem o teria reconhecido - está completamente diferente do que estamos acostumados, mas vimos pouco dele em ação... então, espero realmente que eles nos surpreenda.
 
Como eu não tenho essas frescuras, fui ver o filme de coração aberto, aberto até demais, pois me emocionei, ri, me impressionei e me encantei... foi incrível pra mim voltar a esse mundo mágico e não deixaria de indicar aqueles que ainda não foram para conferir essa história também.



2 Comentários

  1. olá sou escritor e criei um blog a pouco tempo gostaria de saber se tem interesse em parcerias meu endereço de nosso blog é: https://autorescapaselivros.blogspot.com.br
    desde ja fico agradecido

    ResponderExcluir
  2. Eu simplesmente amei o filme, foi o melhor filme que vi nesses últimos cinco anos. Super recomendo o filme, ou melhor, super recomendo a saga inteira! a historia é muito fácil de entender e os atores podem transmitir todas as suas emoções, Animais Fantásticos e Onde Habitam é muito interessante. Eu recomendo muito e estou segura de que se converterá numa das minhas preferidas.

    ResponderExcluir