ED. 203
Clássicos Históricos Especial
Nova Cultural

Cornualha, 1885.

Suas mãos tinham um toque de seda, mas seu olhar escondia segredos!

Alyssa Lockhart, uma milionária americana, é banida para a Inglaterra, com a reputação desacreditada e a ordem de encontrar um marido que pudesse domar sua impulsividade. Ao chegar a seu destino vê-se sob o olhar perturbador do atraente coronel Harris o novo senhor da mansão. Recém-chegado da Índia, ele exerce um fascínio tao sensual quanto as belíssimas sedas que importa de lá.
Com o passar dos dias, Alyssa se sente completamente hipnotizada por aqueles olhos de expressão penetrante. Porem não pode ignorar os murmúrios furtivos a respeito de Harris. Seu instinto natural a impele a descobrir a verdade sobre esse homem enigmático, mas a paixão que sente por ele a atira num turbilhão de emoções. Alyssa, então, decide entregar-se de corpo e alma àquele homem... mesmo que isso ameace sua vida!

PALAVRA DE VICIADA...

Confesso que quando li esse livro pela primeira vez detestei, mas depois que eu li uma segunda, tive de ler uma terceira, uma quarta... É bom demais... alem de muito engraçado tem um romance hot e envolvente. Confesso que quando li a primeira vez não estava com o espírito muito bom, mas o livro é sensacional

O QUE ROLA:

Após aprontar no colégio para moças em que Alyssa estudava, ela é enviada para a casa de um primo distante coronel Harris. Como ninguém conhece sua pequena travessura na Inglaterra seu pai a envia para a casa do parente para que ela arrumasse um marido que lhe impusesse mão de ferro... Ela só não esperava que seu protetor fosse o belo e misterioso coronel Harris. Que além de esconder vários segredos a deixava com os nervos a flor da pele. Sem falar na sobrinha atentada do homem, que apronta mil e uma com ela...
Harris não queria Alyssa por perto, mas como não tinha opção aceitou recebe-la em sua casa, só não esperava encontrar uma bela jovem de espírito vivaz. Muito menos que a chegada da moça tornasse seu convívio caseiro um caos. A pestinha de sua sobrinha fazia de tudo para afugentar Alyssa e ele mandaria a danadinha para um colégio interno...
Decidido a dar bons modos a sobrinha ele não esperava que a doce e meiga Alyssa fosse interceder a favor da menina e que num momento de completa loucura ele a beijaria... Aquele beijo selara seu destino e ele se via cada vez mais fascinado pela jovem americana que tornara sua casa um lar habitável e que iluminava seus dias apenas com sua presença na mansão... mas seus obscuros segredos afastariam tão doce ser e ele não poderia dar mais esperanças a seu coração. Ele era o tutor de Alyssa e mesmo que fosse difícil vê-la nos braços de outro homem ele não poderia se deixar envolver... Ou poderia? O trato fora casá-la... Por que não ele?

Gente como eu morri de rir nesse livro. As travessuras da menina, a sobrinha dele são ótimas e a Alyssa nem liga, pois fazia as mesmas coisas quando tinha a mesma idade. Ri aos montes quando ele a pega na biblioteca particular dele fuçando para saber os segredos dele e pega um livro do Kama Sutra sem querer. Quando ela vai devolver é que é legal, pois ele mostra a ela um sari e os dois tem a primeira noite de amor dos dois na biblioteca dele... é tão lindinho!!!
Recomendadissimo
!


Deixe um comentário