(Este livro não é recomendado para menores de 18 anos)
♥ Você Se Lembra de Mim? ♥
Ed: 01 - Planeta de Livros
Sinopse:
Alana é uma mulher independente que não acredita no amor e tem na profissão sua única razão de viver. Jornalista freelancer, é enviada a Nova York para escrever uma reportagem sobre a metrópole, onde conhece o atraente Joel Parker. Quando ela descobre que aquele homem bonito e sedutor que tem lhe feito companhia nos últimos dias é um militar, como seu pai uma lembrança que ainda a assombra , a jornalista desaparece sem deixar vestígios. Apesar de resoluta em sua vontade de se afastar do capitão da Marinha americana para não repetir a história de sofrimento de sua mãe, ela não conseguirá aplacar o desejo de seu coração por Parker. Quem vencerá essa disputa entre razão e emoção? O passado de sua mãe irá assombrá-la ainda mais ou irá ajudá-la a esclarecer muitas questões mal resolvidas?


"- Você pode saber muito bem o que quer, o que deseja,
o que vai conseguir se batalhar, mas tudo isso pode mudar da noite para o dia,
e o que você achava que chegaria e seria possível pode desaparecer. 
Por isso, Alana, incito-a a viver o presente e aproveita-lo."
pág 428






LINDO E EMOCIONANTE!!!


(Desde já aviso que vai ser uma resenha grande, são duas lindas e emocionantes histórias de amor)


Solicitei esse livro as cegas em parceria com a editora e vou confessar que não estava muito curiosa para ler, essa capa não ajuda e a sinopse não foi assim tão sensacional ao ponto de me deixar interessada. Pra falar a verdade ao ler a sinopse achei que a Alana ia ser aquele tipo de mocinha irritante que acha que por ser independente fica fazendo grosserias a torto e a direito, arrotando arrogância por onde passa e isso não me animou muito também. 

Ao ler isso você deve estar pensando: 'Poxa, Raíssa, se você achou tudo isso só julgando o que encontrou na capa porque solicitou o livro?'

Pois, eu tenho uma resposta para a sua pergunta: Eu nunca li nada da Megan Maxwell e tinha muita curiosidade para conhecer sua escrita e ver se era realmente tudo o que povo falava por ai. Como a leitura do livro que solicitei anteriormente com a editora deu uma emperrada, não consigo ler mais dele, apesar de estar muito bom, devo emendar. Por essa razão precisava resenhar alguma e puxei esse livro para cima da pilha. 

Já havia lido algumas resenhas e o que encontrei me fez ficar curiosa com trama, sendo assim tive alguns incentivos para adiantar a leitura dele. Acho que a editora deveria ter investido mais na informação sobre o livro ser baseado na historia real de amor dos pais da autora, acredito que teria uma chance ainda maior de chamar leitores para essa historia que me surpreendeu e me conquistou, colocando mais uma autora no meu hall de queridinhas.
Logo na nota da autora é difícil não derramar algumas lagrimas com o que ela fala sobre os pais, sobre sua vontade de escrever um livro sobre a historia deles e dar um final melhor para tudo o que viveram. Em sua nota ela explica que no decorrer da leitura teremos duas historias, que a primeira e a verdadeira, a de seus pais e a segunda totalmente fictícia.

De posse dessa informação e alguns lenços úmidos depois, partimos para o primeiro romance. O de Carmen e seu belo cabo americano, pais da nossa autora. Tudo começa nos anos 60, quando Loli e Carmen arrumam um emprego na Alemanha e deixam a Espanha para seguir seu caminho. Carmen é uma jovem de apenas 20 anos e ao lado da irmã embarca para uma vida totalmente nova em um país com cultura, idioma e afins tudo diferente.

Na viagem elas conhecem Teresa, uma jovem órfã espanhola que foi criada por freiras que também está buscando novas oportunidades. Apesar de serem todas muito diferentes logo firmam uma amizade durante a viagem. Na pensão em que viveriam conhecem uma jovem alemã moderna, Renata, uma jovem cética que não acredita em amor desde que foi enganada por um militar americano e as adiverte sobre qualquer relação com esses rapazes, sem falar nos momentos de sufoco, lá está ela resgatando as amigas. A amizade entre elas é forte, cada uma carrega consigo uma história única que as unirá no decorrer da trama.

Teresa é a primeira a cair de amores por um homem que todas as amigas a adivertiram para se manter afastar e entrar numa relação infeliz se afastando das amigas por anos. Um dia, quando decidem ir à um jogo de futebol as jovens são abordadas por rapazes um pouco mais afoitos e são salvas por um grupo de militares americanos. Nesse grupo se encontra Teddy, um rapaz irritante que fará de tudo para se aproximar de Carmen.

Carmen é uma jovem de temperamento forte e explosivo, acredita piamente que se Renata as adivertiu para ficar longe dos jovens americanos era isso que deveriam fazer. Porém, Loli conhece Darío, um porto-riquenho, por quem se apaixona e Carmen acaba começando a frequentar a base militar norte-americana com a irmã e lidar com a crescente atração que o belo cabo Teddy despertou nela será difícil.

De casamento marcado, ambos esperam o melhor momento para viver o tão sonhado felizes para sempre, mas as intempéries de um mundo pós-guerra, leva Teddy para longe da mulher de sua vida, para longe de sua tão sonhada e amada filha... Separados pelos horrores da guerras, eles manterão contato da melhor forma possível.. até que algo os separará para sempre!

Trinta e oito anos se passam e Carmen nunca deixou de buscar saber o paradeiro de seu único e verdadeiro amor. Alana, a filha desse casal, é uma mulher independente, divertida, mas extremamente cética em relação ao amor. Ela cresceu vendo a mãe sofrer por um homem que simplesmente desapareceu da face da terra, cresceu cercada pelo preconceito de ser filha de uma mulher solteira e após viver uma desilusão amorosa, ela se fecha para tudo e para todos. Seu coração é uma grande muralha de gelo.

Totalmente focada em seu trabalho como jornalista, ela está disposta a conseguir três grandes entrevistas para a revista em que trabalha, porém o problema pessoal que ela tem com sua chefe dificultará as coisas. Convocada a participar de um promocional da revista, ela e Isa, sua melhor amiga, encontrarão muitas intempéries para conseguir vencer esse promocional e conseguir alçar voo em suas carreiras.

Para atrapalhar o desenvolvimento da matéria de Alana, sua chefe a enche de trabalho e por conta de uma porção de outros problemas, as amigas embarcam em uma viagem de trabalho a Nova Iorque, onde Isa, conhece Karen, a mulher da sua vida (sim, ela é lésbica e extremamente divertida).

Dividindo seus dias de trabalho com noites de diversão, Karen convida Isa e Alana a comparecerem a um bar onde ela se encontraria com alguns amigos e lá, Alana conhece Joel Parker, um louro alto, extremamente sexy, que apesar do primeiro instante de rusgas, acaba vencendo suas barreiras e lhe rouba um beijo.

Joel é o pecado em pessoa, é lindo e simpático, com aqueles olhos azuis e sorriso quente ele seria capaz de derreter a geleira que havia no coração de Alana, a não ser por um pequeno detalhe... ele era um fuzileiro naval. Tomando conhecimento disso, Alana embarca no primeiro táxi que consegue e foge do belo homem.

Qual a probabilidade da história de seus pais se repetir com ela? Mínima e a insistência de Joel para saber qual era o seu problema e conquistá-la vencerá suas reservas. Ele não tinha culpa se ela temia seu próprio passado e ela não precisaria se privar do prazer de estar ao lado dele enquanto estivesse em Nova Iorque.

Entre o trabalho, o tórrido amor com o belo Joel, Alana terá de lidar com a noticia de que seu pai está vivo e que nunca fora procurá-las. Sem querer saber os motivos dele, ela volta para a Espanha para tocar sua vida, mas os medos e receios que ainda a assombram não permitirão que ela aceite os sentimentos que tem por Joel.

Ao contrário de Alana, Joel acredita piamente na força do amor e está disposto a tudo... até mesmo abrir mão de algo que ama tanto fazer para viver esse sentimento tão lindo que brotou em seu peito no momento em que pôs seus olhos nela. E lutar pelo amor de Alana, sua missão mais gratificante.

Não posso falar tudo o que vai acontecer, porque a beleza está no desenrolar dos dois romances, assim como o mistério do sumiço do pai de Alana, mas posso dizer com toda certeza... que você deve preparar seu coração e muitos lenços para encarar essa leitura que mexerá com todos os seus sentimentos e te deixará totalmente apaixonada por essas grandes e belas histórias de força, superação e amor. Alana e Carmen são duas mulheres incríveis, que tem amigas mais incríveis ainda, mulheres de fibra, capazes de tudo pelos que ama.

Sou suspeita para falar desse livro, pois estou totalmente apaixonada por ele. Que história mais linda, emocionante e envolvente, gente! Acontecem tantas coisas tristes, mas ao mesmo tempo tantas coisas lindas que é impossível não se emocionar. É minha primeira experiência com a escrita dessa autora e fui totalmente arrebatada. Chorei, sorri, suspirei e torci para que tudo desse certo e fui surpreendida.

Nem preciso dizer que indico de olhos fechados o livro para todos.


(Este livro não foi publicado em Portugal)

18 Comentários

  1. Ola
    Adorei a sua resenha, fiquei bem curiosa para saber mais sobre a história e para ver como é a escrita da autora. Amei o post. =)

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Já li algumas resenhas ótimas desse livro.
    Gosto muito de histórias que cruzam passado e presente, acho que se autor sabe fazer isso, a leitura fica emocionante ♥
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  3. Acho que este é o único livro da Megan que eu realmente me interesso em ler e tenho que confessar que sua resenha aumentou minha curiosidade em uns 1000%.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oiee

    Pela capa e sinopse, eu não leria esse livro.
    Mas sua resenha me deixou empolgada, eu adoro livros que fazem chorar e que emocionam. Fiquei curiosa pela história.

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Raíssa, tudo bem?

    Menina, eu tinha preconceitos com a Megan. Tentei um livro anterior dela e odiei. A capa desse não ajuda muito, mas gostei da sinopse e sua resenha foi bem legal. Acho que vou dar uma chance!

    bjsss

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Vi tanta gente comentando esse livro essa semana que não sei o que está acontecendo. Não é um livro que eu leria. Apesar de ter achando um pouco interessante, não faz muito o meu estilo.
    Ótima resenha!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Eu gosto muito da primeira parte do livro, o que estraga é a segunda parte, detesto o lenga lenga, realmente me dá nos nervos.
    Adorei sua resenha uma das melhores que já li sobre esse livro.
    Beijocas

    ResponderExcluir
  8. Nossa eu estou doida para ler esse livro, e sua resenha só me deu mais vontade ainda de ler, preciso dele para ontem, apesar de nunca ter me interessado por nada da autora esse me atraiu muito, linda resenha.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oioi! Tudo bem?
    Acredita que ainda nao li nada da Megan Maxwell, mas tem tanta gente falando do livro Você Se Lembra de Mim?, que eu acho que vou começar por ele.
    Adorei conhecer mais da historia aqui e acho que vou me emocionar mto com o enredo, tem tudo que gosto.
    A capa está linda demais e acho que vou ter que comprar mesmo, hehe.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  10. Oie!
    Esse será um dos próximos livros que vou ler, e como gosto da narrativa da autora, vou gostar desse livro. O que sempre me chama a atenção para os livros da autora, é que suas mocinhas sempre são fortes e não ficam de mimimi. E eu adoro isso kkk
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  11. Acho maravilhoso quando pegamos um livro para ler sem saber do que se trata, sem nenhuma expectativa e esse livro nos arrebata ♥ Fiquei bem curiosa e ansiosa para conferir essas estórias ... E livros que mexem com meus sentimentos e me levam as lagrimas tornam-se meus livros da vida. Realmente amei a premissa, quero esse livro para ontem. Já está na minha lista. E sua resenha ficou MARAVILHOSA, parabéns

    ResponderExcluir
  12. Oi linda,

    Pela capa eu nunca leria haha, mas com sua resenha vi que o livro é uma joia preciosa em delicadeza, sutileza e drama e isso atraiu minha curiosidade pela história e os dramas pessoais dos personagens.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. uau!!!

    adorei a sua resenha!

    só me deixou ainda mais curiosa para ler...e além disso, amo essa capa!!!

    bjs

    ResponderExcluir
  14. Oie
    Nunca li nada da autora mas quem sabe um dia eu tente, não é bem o que procuro ler por agora mas sua resenha ficou bem legal

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá Raíssa, tudo bem?

    Achei muito legal a sua resenha. A empolgação de como você fala do livro é cativante. Eu vou indicar, não só o livro, como a sua resenha para minhas amigas que gostam bastante deste gênero, já que eu não gosto.

    Bjus,

    Gabriel Albuquerque

    ResponderExcluir
  16. Oie!!
    Adorei a sua resenha e a sua empolgação, isso sem sombra de dúvidas incentiva qualquer um a ler a obra. Porém eu tenho uma certa ressalva com a Megan, apenas por isso não sei se leio ou não. Mas acho que temos aqui uma boa forma de modificar essa impressão errada da autora.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  17. Acho que você está certa quando diz que a editora devia ter investido mais de que era um livro baseado na história de amor dos pais da autora, eu mesma não me interessei a princípio, mas se soubesse disso teria solicitado. Que bom que se apaixonou pelo enredo!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  18. Olá.

    Não tenho muito curiosidade em ler esse livro, não sei dizer por que. Mas sempre que vejo, nunca consigo ficar com vontade de ler. Não sei se estou perdendo uma história maravilhosa, talvez sim, mas no momento vou deixar passar.

    Beijos.

    ResponderExcluir