Exibindo Capa - O Bosque de Cerejeiras.jpg♥ O Bosque de Cerejeiras ♥
Ed: 01 - Independente 

Compre seu E-book: AQUI

Sinopse:
Um guerreiro manchará sua honra com sangue inocente, mas o destino é implacável, e os demônios do passado voltaram para assombrá-lo e cobrar os seus pecados.


"Ele carregava um olhar profundo, assustado e ao mesmo tempo, demoníaco, de um homem que já descera ao inferno e provara do pior castigo."
pág 4


Eu dificilmente leio e-books, vocês já estão cansados de saber sobre isso, porém quando recebi esse conto do Washington resolvi dar aquela olhadinha básica e vi que tinha realmente pouquíssimas páginas e encarei a leitura.

Como tudo que leio, tenho de vir aqui para contar para vocês essa não poderia ficar de fora não é mesmo? Já havia elogiado o trabalho do Washington na resenha que fiz de seu livro, Os Herdeiros da Terra de Mour (resenha aqui), então acredito que também não vá ser novidade se eu começar a tecer um rosário de elogios quanto ao que acabei de ler.

Em O Bosque das Cerejeiras, conheceremos um perverso Samurai e o sanguinário sabor da vingança. São quatorze páginas de pura adrenalina e tensão, numa trama visceral e sanguinária que irá te prender não apenas pela intensidade da violência, mas também pela intensidade de sentimentos contidos nas entrelinhas dessa trama. 

Quem tem costume de jogar RPG online, ou em consoles (como eu, mas esse é outro assunto) vai se ver cercado de situações muito características, como pessoas em chamas ou liberando poderes sobrenaturais durante os duelos. Então, além da tensão das lutas você terá uma boa dose de fantasia. E quando acabar você simplesmente se pegará pensando que devia ter mais... muito mais!

Muitos anos atrás um Samurai destruiu toda uma família, ele e seus homens mataram a todos, destruíram vilas, vidas e famílias por onde passaram e nunca encontraram em seu caminho alguém disposto a detê-los, ao menos era o que ele acreditava até ver seu mundo girar e ter sua vida nas mãos de uma mulher.

Uma misteriosa mulher com sede de vingança, uma vingança amarga que a consumia desde que era uma criança. Então, os dois, sozinhos, em um bosque de cerejeiras medirão suas forças e o temido fim do perverso Samurai poderá ou não chegar.

Simplesmente, eletrizante! Quem puder... leia!


3 Comentários

  1. Raíssa, adorei a resenha.
    E a história me interessou por tratar de fantasia e a parte que você falou ser semelhante a RPG só aguçou mais a minha curiosidade.
    Eu recebi o conto e agora que li sua resenha vou lê-lo em breve.

    ResponderExcluir
  2. Não jogo RPG, mas to acostumada a pessoas em chamas ou liberando poderes sobrenaturais.
    A capa tá incrível com a cerejeira - árvore mais linda na minha opinião - e o título do modo como se escreve na cultura asiática, de cima pra baixo.

    ResponderExcluir
  3. Raíssa, mesmo sua resenha sendo ótima (como sempre), não despertou meu interesse pela leitura do livro. Não gosto desse gênero literário que envolve demônios e lutas sanguinárias, além de não gostar de jogar RPG.

    ResponderExcluir