Editora Arqueiro anunciou essa tarde a compra dos direitos autorais de quatro livros de Lucinda Riley. Quem começou a ler o primeiro volume da série Sete Irmãs, publicado pela concorrente, pode se preparar, pois o segundo volume virá sob a responsabilidade da Arqueiro, em novembro.

A Editora também adquiriu os direitos de The Italian Girl e Der Engels Baum, que ainda não tem previsão de lançamento, mas já foi anunciado pelas assessoras de mídia da editora.


Eu ainda não tive a oportunidade de conhecer o trabalho da autora, mas pretendo remediar isso em breve. Os fãs já sei estão encantados com as novidades :) e vocês o que acharam?


10 Comentários

  1. Aaaaai que tudooooo.. eu nunca li nada da autora mais ja vi mtas resenhas e todas positivas,,
    ameei a novidadeeee... bjoos

    ResponderExcluir
  2. Oiee Raíssa!
    Eu ainda não li nada da autora, mas minha prima leu A Casa das Orquídeas e falou que a escrita dela é incrível, eu ainda preciso conferir.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu conheço mta gente que faça dos livros dela só desanimei porque acho muito grossos... rsrs *preguiça*, mas tenho mta curiosidade para conhecer o trabalho dela também.

      Excluir
  3. Nossa que noticia boaaa, tbm ano li nada dela, mais deve ser otimo pelo o que dizem..
    sucesso a Editora.. bjoos

    ResponderExcluir
  4. Oi Raíssa, eu fiquei surpresa ontem quando a notícia saiu, pois a Editora NC que publica os livros da Lucinda, e que inclusive publicou o volume 1 desta série. Eu tenho todos os livros dela autografados, gosto muito do jeito que ela escreve, sem contar que é uma simpatia com os leitores.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  5. Que noticia boa, a Arqueiro é uma ótima editora, estou lendo A Rosa da Meia-Noite e estou gostando, embora eu tinha espera mais, mas vamos ver no desenrolar da historia.

    Abçs :)

    ResponderExcluir
  6. Que notícia maravilhosa. Li Sete Irmãs, e gostei muito. Tenho ainda A garota do penhasco. Bom saber que a editora vai trazer mais livros dessa autora.

    ResponderExcluir