♥ Estranha Perfeição ♥ - Ed 01 - Editora Arqueiro
Della Sloane não é uma garota comum. Ansiando se libertar do seu passado sombrio e traumático, ela planeja uma longa viagem de carro em busca de autoconhecimento e dos prazeres da vida real. Seu plano, no entanto, logo encontra um obstáculo: o automóvel fica sem gasolina em Rosemary, na Flórida, uma cidadezinha praiana no meio do nada. Neste cenário, ela conhece o jovem Woods Kerrington, muito disposto a ajudar uma menina bonita em apuros. O que ela não sabe é que Woods é o herdeiro do country club Kerrington e está de casamento marcado com Angelina Greystone, uma união arranjada que culminará na fusão de suas empresas, garantindo o futuro profissional do rapaz. Uma noite despretensiosa parece a solução perfeita para Della e Woods fugirem por um tempo de tanta pressão. Do passado que ela gostaria de esquecer. Do futuro de que ele tantas vezes tentou escapar. Mas eles não poderiam prever que a atração os levaria a algo mais quando os seus caminhos se reencontrassem. Agora precisam aceitar suas estranhezas para descobrirem a perfeição. Se você é fã da série Sem Limites, vai adorar este delicioso romance ambientado no mesmo universo sedutor criado por Abbi Glines.
Estranha Perfeição
(Este livro é recomendado para maiores de 18 anos)

Acabei de ler o livro e quando digo isso é literalmente, terminei agora e estou aqui tentando pensar em alguma forma de apresentá-lo para vocês. O livro mexeu comigo, me emocionou, me tocou e me chocou, não sei dizer o quê, mas a escrita de Glines consegue mexer comigo. Como na série anterior, a estória não termina nesse livro e para saber no que vai dar teremos de esperar a editora Arqueiro publicá-lo, isso me deixa muiiito chateada, pois não gosto muito dessa coisa de continuações, mas se tratando de Abbi Glines tenho aberto muitas exceções e essa é uma delas. Quem me conhece sabe que não curto muito esse gênero mocinha jovem, sofrida que foge de algo pra cair nos braços do bofe mal, mas gostoso, que faz ela (gozar) sofrer ainda mais, faz com que ela fuja simplesmente para se descobrir gravida dele e fazer ele voltar se rastejando para tê-la de volta.

Se o que eu acabei de dizer te lembra um monte de outras estórias publicadas por aí, pois saiba que Glines segue na mesma linha e por incrível que pareça conseguiu me fisgar, com toda a minha chatice com clichês e jovens virgens choronas me encantei com sua escrita. Há quem diga que sua linguagem é vulgar, não vejo assim, talvez porque eu diga todas aquelas coisas (boquinha suja a minha), mas desde que li Toda Sua e gostei do que vi, acabei aprendendo a ignorar isso e me envolver com a trama e viver aquele presente. É só um livro né gente? Se fosse pra ser igual a vida real eu abria a porta e ia viver a vida, não ia ficar com a cara metida nas páginas de um livro.

Enfim, Estranha Perfeição me fisgou e não poderia ser o contrário, já havia me encantado com o Woods na série Sem Limites e quando soube que o terceiro livro a ser lançado em terras tupiniquins da Abbi era do Woods, quase pirei, pois ele foi um dos personagens que mais me encantaram nos dois primeiros livros da série anterior. Acho que a maioria das leitoras que pegaram Paixão Sem Limites para ler acreditaram piamente que ele seria uma enorme pedra no sapato do Rush, também se encantou e se surpreendeu com o belo e altruísta Woods. Sempre disposto a ajudar a todos, sempre se sacrificando por alguém... sim, esse é o Woods que aprendemos a amar, sem conhecer verdadeiramente a sua história.

Apesar de ser ambientado no mesmo lugar da série Sem Limites e de encontrarmos muitos personagens já conhecidos nossos, Woods e Della tem uma duologia só deles, que foi intitulada de Perfeição, sendo Estranha Perfeição seu primeiro volume e Simple Perfection seu segundo volume ainda sem data prevista de publicação aqui nas ilhas de Cabral.

O livro começa com Della, uma jovem órfã de 19 anos em busca do seu eu. Ela fora criada em um lar doentio, por uma mãe louca, que após perder o filho primogênito e o esposo, proibi a filha de qualquer interação ou convívio com o mundo fora da casa em que vivem. Della, não foi para a escola, não teve amigos e a única amiga que tinha, Braden, era a única que conhecia toda a verdade sobre a sua pessoa, a única que conhecia seus medos e seus fantasmas. Após o casamento de Braden, Della, põe o pé na estrada e se entrega ao estranho Woods, um cara gratíssimo que a ajuda a abastecer o carro.

Ela está seguindo para Dallas e uma noite é tudo que ambos querem, ao menos é o que eles imaginavam. Ao ser demitida pelo dono do bar em que trabalha (em Dallas) ela recebe a ajuda de Tripp, um cara boa pinta que não combina em nada com aquele ambiente, muito menos com a profissão de barman. Tripp empresta a ela seu apartamento e lhe consegue um emprego no clube de um amigo. O que Della não esperava encontrar nesse novo lugar era Woods, o cara que abalara suas estruturas com apenas uma noite de sexo selvagem.
Woods está sendo pressionado por todos os lados para se casar com uma mulher a quem não ama, sente-se oprimido pelas vontades do pai, mas está disposto a fazer o que seu velho quer para conseguir enfim, assumir os negócios que teriam de ser seus por direito de nascimento, mas que eram impostos a ele. Ele iria casar com Angelina, ao menos era o que ele acreditava até ver a mulher que assombrava seus dias e suas noites de pé diante dele dizendo que havia ido pelo emprego solicitado por Tripp. 

Quanto mais se envolve com Della, mais tem certeza de que não pode continuar a ser marionete do pai. Della é especial, é única, é encantadora e ele está disposto a fazer tudo para poder ter aquela mulher em seus braços para sempre. Ela seria dele para que ele pudesse amá-la e respeitá-la e ajudá-la a lidar com seus fantasmas do passado. É quando enfim decide dar um fim no noivado que as coisas parecem mudam de figura. Tudo parece ir muito bem, até que um pérfido plano os separa.

A trama gira em torno do drama de cada um dos personagens centrais e os capítulos vão se intercalando entre o ponto de vista do Woods e o da Della, então você acesso aos dramas de cada um. Ai que dó que eu fiquei com o desenrolar disso tudo, que pai malvado o do Woods e que menina complicada a Della. A mãe dela é quase a mãe da Carrie, tirando o fato da mãe dela não ser religiosa, as duas são muito parecidas com suas obsessões e imposições às filhas. O cuidado que o Woods tem com a Della é de fazer suspirar, não achei algo exagerado, pois sempre vi nele um cara muito protetor com a Blaire, então quando ele toma para si a responsabilidade de cuidar da mulher que ama, ele se torna encantador. Tripp também é um personagem incrível, super gente fina e se o Woods tivesse sido metade do que o Rush foi com a Blaire, eu iria torcer para ele ficar com a Della em vez do Woods... rsrs

Resumindo, fiquei um pouco espantada com o final, talvez tão chocada quanto o Woods em relação a noticia que ele recebeu, e estou muito curiosa para saber como vai terminar essa estória. Espero que a Editora Arqueiro não demore muito para lançar a sequência dele, pois senão eu e muitas outras leitoras morreremos de ansiedade para saber o que é que vai acontecer ainda com esses dois apaixonados. Pela forma como acabou já posso pensar em muitas formas diferentes de desfecho, só me resta aguardar... e torcer para que meus nervos sejam fortes para aguentar até lá... rsrs

Leia minhas resenhas anteriores: Paixão Sem Limites e Tentação Sem Limites

book cover of 

Twisted Perfection

9 Comentários

  1. Então, eu sou uma das que acha que a Abbi poderia escolher melhor as palavras e ainda assim sbanjar sensualidade, mas gosto é gosto. Esta narrativa é bem mais consistente que a de SEM LIMITES e desde lá, eu queria mais do Woods e ele~não desapontou! LINDO!!! O jeito que o livro acaba é de querer cortar os pulsos. Muito ansiosa pela continuação! Como sempre, ótima resenha!

    ResponderExcluir
  2. Woods tbm não me desapontou em nada... mas acho que poderá me deixar com raiva dele no próximo volume... só acho... pq esse final me deixou com a pulga atrás da orelha :/ ai ai ai... Volte sempre querida! :)

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha, ri demais,realmente é livro e se fosse para ser igual a vida real eu ia viver hehehe adorei a sua resenha, ficou muito divertida, estou louca para ler os livros da Abbi, ele parece ser bom, eu também falo a maioria das coisas que são citadas nesses livros.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  4. Esse é o meu problema com continuações: a ansiedade de ficar esperando!kkkkkkk
    Nunca li nada da autora, mas tenho ouvido falar muito bem de seus livros,,,que agradou ao público e tal...
    Fiquei com uma dúvida: tenho que ler paixão sem limites pra poder ler esse livro?Pois pelo que pude entender as tramas meio que se cruzam...
    enfim...achei interessante a trama...e fiquei ainda mais curiosa pelo final...mesmo não tendo um final definido e nos deixando curiosa para o próximo,,rsrsrs
    Esses livros não costumam ser os meus favoritos...mas as suas resenhas sempre me deixam intrigada, mesmo não sendo meu foco de leitura!
    Parabéns pela resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Pelo o que vi da resenha o livro parece ser mto bom. Estava com medo de ser o mesmo clichê dos outros livros,mas vou dar um voto de confiança.

    ResponderExcluir
  6. Oi Adriana.

    As duas séries são independentes, a única ligação é o fato de se passarem na cidade costeira de Rosemary Beach.

    Fico feliz que tenham gostado da resenha meninas ♥

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Nossa ano os livros da Abbi e esta série é maravilhosa!!!!
    Amo Woods, mas meu preferido ainda é Rush

    ResponderExcluir
  8. Acabei de ler o livro. Achei óptimo apesar de muito repetitivo, digo alguns trechos parecem ter sofrido copy past da trigologia anterior, também acho que ela podia maneirar na linguagem e possível ser sexy sem ser vulgar. Enfim aguardo com muita impaciência o vol. 2 !

    ResponderExcluir
  9. Estou apaixonada pelos livros da #Abbil
    Queria ler a continuação da história do Grant mas não consigo baixar em nenhum site . Enfim os livros sao maravilhosos ❤

    ResponderExcluir