(Os Melhores de 2009 - Revisado)
Eu certamente li este livro umas cinco vezes e não me canso é muito lindo. Confesso que quando o li pela primeira vez achei o Varek um crápula sem coração por não aceitar a gravidez de Christina, mas meu conceito mudou bastante depois que passei o prólogo. 

O romance consiste no drama de um casal que é obrigado a se separar por conta de obrigações politicas. Então se você curte um dramalhão daqueles, uma trama intrincada e um romance arrebatador pode ler sem medo este livro. Se você é do tipo que não curte drama corra dele. 

O livro também conta com passagens bem quentes do reencontro do casal, mas essa é uma característica dos romances de banca, aliás, uma característica que adoro, já que muitas das vezes encontramos romances completos, repletos de drama, sexo quente e uma trama de fervilhar o cérebro.. rsrs..

Cristina e Varek foram casados por anos e se amavam intensamente, mas Christina não conseguia levar uma gravidez adiante de uma forma inexplicável. Sem outra alternativa Varek é pressionado a se divorciar de Cristina .

Exilada na Inglaterra, Cristina conhece Robert com quem se casa e tem um filho. Seu atual marido é um crápula e mesmo tentando ela não consegue esquecer seu primeiro e único amor... 

Sua boia de salvação é seu filho e seu cunhado aleijado, apenas os dois a mantém firme naquele casamento de conveniência. Cristina não quer ir de forma alguma a Viena acompanhando o marido, pois sabe que lá reencontrará Varek e não sabe se será capaz de manter fechadas as cicatrizes a tão pouco tempo cicatrizadas... 

Varek agora tinha seu tão esperado herdeiro, mas não era do sexo masculino, e não tinha ao seu lado a única mulher que amara... As medidas que tomara para salvar a mulher que amava não evitaram que seu país viesse a enfrentar uma revolução interna e o que ele menos esperava era seguir viagem para Viena representando seu primo, o príncipe regente da Rússia. Muito menos esperava encontrar sua amada Cristina e seu novo marido. 

Tudo o que ele quer é apenas uma chance de estar ao lado de Cristina novamente e Varek usa sua influencia para mandar o marido dela em um serviço de campo. Varek ainda ama Cristina com todo o seu ser e não compreende o fato dela ter tido um filho do atual marido e não dele. 

Decidido a reconquistá-la e tê-la novamente ao seu lado e em sua cama ele esperava que ela se divorciasse do marido para que ficasse com ele novamente. Só que seus planos de tirar o marido dela de Viena acabam matando o homem. 

Enquanto o casal luta contra o desejo crescente e um amor eterno tão forte quanto o tempo e a distancia. Os problemas de governo os assombram e Varek descobre a maior das traições... 

Cristina está grávida e distante de seu amor, seria ela capaz de resisti a má noticia que chegara junto com a noticia de um confronto final entre Varek e seu Assessor e Traidor... 

O livro é uma aula de historia, repleta de jogos, ambições traições e claro muito amor. É quase impossivel largar o livro. Quando li a primeira vez, terminei no mesmo dia... Chorei bicas com o final (quem leu sabe do que estou falando). Nunca me emocionei tanto com um final, mas também dei muitas risadas.

A trama é surpreendente... Resumindo ... 

É UMA OBRA PRIMA LITERÁRIA.



♥ Vestigios do Passado ♥
Ed. 197 
Clássicos Históricos Especial 
Nova Cultural 

Inglaterra, 1814 

Os pecados do passado… 

Varek Von Vischering tinha apenas um único dever: Providenciar um herdeiro para as terras da família. Agora com problemas políticos ameaçando seu reinado e os conselheiros exigindo que se divorcie, ele teme pela segurança de sua esposa Christina. 

Um amor nunca esquecido… 

Christina nunca seria capaz de assistir seu amado marido tomar outra mulher. Assim, ela foge e encontra asilo nos braços de um nobre britânico. Mas tudo muda quando ela o acompanha a um congresso na Áustria, onde o destino a colocará frente a frente com o passado e com o ex-marido, que ela jamais esquecera…

Um Comentário